criando base dados – parte 1